You are here: Home // Museu, Passeios // Pinacoteca do Estado de São Paulo

Pinacoteca do Estado de São Paulo


pinacoteca_110anos

 

 

 

 

Localizada na região da Luz na cidade de São Paulo a Pinacoteca é um dos principais museus da capital paulista. O prédio foi projetado pelo escritório de Ramos de Azevedo e abrigou primeiramente o Liceu de Artes e Ofício, quando foi parcialmente concluído em 1900. Já em 1905 é criada a Pinacoteca do Estado, o primeiro museu de artes plásticas da cidade, ocupando o terceiro piso do edifício. As primeiras obras que formaram o acervo da Pinacoteca faziam parte da coleção do Museu Paulista, dentre as pinturas estavam as dos artistas Almeida Júnior e Pedro Alexandrino. É a partir de 1911, com a lei do Pensionato Artístico, que a Pinacoteca recebeu obras de vários artistas como Victor Brecheret, Anita Malfatti, Alípio Dutra, Túlio Mugnaini e outros. Foi com as exposições de artistas estrangeiros, sobretudo espanhóis e franceses, que o acervo do museu, que até então só contava com artistas nacionais, começou a ficar mais diversificado. Nas décadas seguintes o acervo da Pinacoteca chegou até a deixar o edifício e ser distribuído por diversos órgãos públicos, só retornando para lá no ano de 1947, quando voltou a abrigar a Pinacoteca juntamente com a Escola de Belas Artes de São Paulo, que funcionou lá até 1982, quando o prédio é tombado pelo CONDEPHAAT (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Arqueológico e Artístico do Estado) e passa a ser finalmente de uso exclusivo do museu. Nos anos 90 um grande projeto de recuperação e readequação assinado pelo arquiteto Paulo Mendes da Rocha, é realizado, criando uma infra-estrutura de um museu moderno com acessibilidade e reequipamento da edificação com a criação de coberturas, recuperação das estruturas e a mudança do eixo do prédio, com a entrada voltada para a Estação da Luz, além também da recuperação do Jardim da Luz, pensado como um museu de esculturas a céu aberto.

O acervo da Pinacoteca hoje tem cerca de cinco mil obras, a sua maioria de arte brasileira do século XIX, o período acadêmico, mas desde os anos 70 as aquisições do museu vem diversificando-se, e em sua coleção pode-se apreciar obras de artistas modernistas como Di Cavalcanti, Antônio Gonçalves Gomide, Portinari, Ernesto de Fiori; também obras do abstracionismo formal como Alfredo Volpi e a sala especial dedicada a Rubem Valentin, obras do Concretismo como Barsotti, Willys de Castro, Lothar Charoux, obras do abstracionismo informal como Tomie Ohtake e Manabu Mabe, obras bastante representativas do período da Nova Figuração como Antonio Dias, Antônio Henrique Amaral e de artistas contemporâneos como Nelson Leirner, Nuno Ramos, etc.
pinacoteca.jpg
O ano inteiro acontece o programa de exposições temporárias, sempre com propostas importantes e significativas da arte e da história. Dentre as que já passaram por lá pode-se destacar a Exposição de Rodin que aconteceu em 1995 e foi o maior sucesso de público do museu, com 150.000 visitantes em 38 dias. Além dessas exposições a Pinacoteca tem lugar para exposições temporárias de fotografias, e o Projeto Octágono, que são propostas de instalações de artistas contemporâneos desenvolvidas exclusivamente para um dos pátios centrais do prédio da Pinacoteca.
pinacoteca-1.jpg
Endereço
Praça da Luz, 2 Luz, São Paulo – SP
Próximo ao Metrô Luz e à Estação da Luz (CPTM)

Funcionamento

Terça a domingo, das 10h às 18h
Entrada até as 17h30

Ingressos
R$ 6 e R$ 3 (estudantes)
Aos sábados o ingresso ao museu é gratuito.
Gratuito para crianças de até 10 anos e para maiores de 60 anos.

Agendamento de visitas educativas
Terça a sexta-feira, das 10h às 18h
(11) 3324-0943 / 3324-0944
agendamento.pina@gmail.com

Funcionamento do Cedoc (Centro de Documentação e Memória) e da Biblioteca
Terça a sexta-feira, das 10h ás 18h

Cafeteria

Terça a domingo, das 10h ás 18h

Entrada para deficientes

Acessibilidade em todo o edifício por meio de elevadores.
Galeria Tátil – No segundo andar do museu visitantes portadores de deficiência visual também podem conhecer a Galeria Tátil de Esculturas Brasileiras. Com uma seleção de 12 obras do acervo da Pinacoteca, a mostra foi especialmente elaboradas para que esses visitantes possam apreciá-las de forma autônoma, tocando-as e recebendo informações por meio de etiquetas e textos em dupla leitura (tinta e Braille), além de áudio-guia.

www.pinacoteca.org.br

Jardim da Luz

Lembre-se de caminhar pelo Jardim da Luz para apreciar as diversas esculturas dos mais diferentes estilos e épocas, de artistas como Lasar Segall, Victor Brecheret, Leon Ferrari, Amílcar de Castro, José Resende, Marcelo Nietsche e muitos outros. São quase 50 esculturas, tudo em harmonia com árvores centenárias e um lindo paisagismo.

Estação Pinacoteca
Se você vai visitar a Pinacoteca do Estado, aproveite para conhecer a Estação Pinacoteca. Criada em 2004 no lugar onde originalmente abrigava armazéns e escritórios da Estrada de Ferro Sorocabana. Com projeto do arquiteto Haron Cohen, o espaço foi totalmente reformado para abrigar exposições temporárias e a coleção da Fundação José e Paulina Nemirovsky, um dos mais importantes acervos de arte moderna do país.
No prédio da Estação Pinacoteca também estão instalados o Cedoc, a Biblioteca Walter Wey, especializada em artes plásticas e visuais e o Memorial da Resistência de São Paulo (leia mais abaixo).
Endereço
Largo General Osório, 66, Luz, SãoPaulo – SP
(11)3335-4990
Terça a domingo, das 10h às 17h30
Ingressos: igual ao da Pinacoteca, se você for visitar a Pinacoteca, entra na Estação Pinacoteca sem precisar pagar outro ingresso e vice-versa.


Memorial da Resistência de São Paulo
O prédio da Estação Pinacoteca abrigou de 1940 a 1983 o DEOPS (Departamento Estadual de Ordem Política e Social do Estado de São Paulo). Numa parte do edifício foi reconstruído o espaço onde foram mantidos presos políticos. Lá pode ser visto documentos e registros da memória da repressão e da resistência política do Brasil.
Endereço
Estação Pinacoteca
Largo General Osório, 66, Luz, SãoPaulo – SP
(11)3335-4990
Terça a domingo, das 10h às 17h30
Entrada Gratuita
Ação Educativa
Informações e agendamento: (11) 3335-4990
pinacoteca-2.jpg
Como chegar na Pinacoteca
A Pinacoteca do Estado, a Estação Pinacoteca e o Meorial da Resitência ficam próximos a estação Luz do Metrô e da CPTM e esta é uma das melhores opções para quem utiliza o transporte público. Em São Paulo as linhas são divididas em cores, portanto, se você estiver na linha verde (Paulista) vá até a Estação Ana Rosa e embarque na linha Azul, sentido Tucuruvi. Se estiver na linha vermelha (Itaquera) vá até a Estação Sé e embarque na linha Azul. A Pinacoteca fica em frente ao metrô Luz.

Apenas fique atento aos horários de pico, que são das 7h as 9h e das 17h30 as 19h. Nesses períodos os trens são muito cheios e a locomoção fica prejudicada.

Estacionamento
No prédio da Pinacoteca há estacionamento gratuito para o público, mas o número de vagas é limitado.

Tags: , , ,

1 Resposta para " Pinacoteca do Estado de São Paulo "

  1. #1 - Alessandra says:

    otimo ,lindo

Copyright © 2002 - 2013 Guia do Viajante. All rights reserved.